TRABALHO INTENSIVO NO ÚLTIMO MÊS DO PROJETO SEMIÁRIDO SOLAR (I)

Como é de conhecimento público o projeto Semiárido Solara finaliza suas atividades agora no final de setembro. Foram 33 meses de atividades e ações nos eixos da Capacitação, Incidência politica e Instalação de unidades demonstrativas.

O objetivo maior foi de mostrar o papel fundamental do “local”, nas ações dos moradores das cidades e do campo, e das prefeituras; para enfrentar os efeitos das mudanças climáticas no semiárido”.

O biodigestor foi uma das tecnologias difundidas para substituição do gás liquefeito de petroleo (GLP), emissor de gases de efeito estufa. Foram oito unidades instaladas (3 em Cajazeirinhas, 1 em Sousa, 1 em Patos, 1 em Condado, e 2 em Pombal).

No inicio de setembro (dias 8 e 9), o especialista em biodigestores, o técnico da ONG Diaconia, sr. Jucier Jorge, esteve percorrendo os municípios de Cajazeirinhas, Condado e Pombal, nos últimos acertos de tais tecnologias.

Foto 2Em Cajazeirinhas conectou o gás, em umas das propriedades rurais, proveniente do biodigestor no fogão, e realizou testes de operação; além de verificar o andamento na construção dos 2 outros biodigestores (já concluídos em fase de carga da matéria prima). Em Condado, na Fazenda Esperança, marcou o local apropriado e deu instruções ao pedreiro (em fase de carga da matéria prima). E em Pombal o trabalho foi idêntico.

Esperamos que na última semana de setembro, todos os biodigestores já estejam em funcionamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: